Explicando Leads em Termos de “Namoro”

Compreender o ciclo de vida do lead, a geração de leads e a “pontuação de leads” é uma das melhores coisas que você pode fazer pelos seus negócios, se você deseja aumentar sua rotatividade, receita e lucros, além de aumentar a fidelidade à marca e a confiança que você obtém nos seus negócios.

O problema é que muitas pessoas não pensam em leads e se concentram apenas nas vendas. Eles acreditam que o objetivo do site é converter o maior número possível de visitantes e maximizar suas vendas. A ironia é que isso acaba afugentando muitos clientes em potencial e, na verdade, reduzindo significativamente seus lucros.

Por que é que? Porque as pessoas não gostam de ser vendidas. E a melhor maneira de entender isso é pensar em termos de namoro…

Por que as vendas deixam as pessoas frias

Quando alguém visita seu site, seja por meio do SEO, do AdSense ou de qualquer outro meio, ele basicamente será um líder. Isso significa que eles se enquadram na sua demografia e potencialmente se interessarão pelo seu nicho, mas em nenhum momento demonstraram nenhuma lealdade específica à sua marca e nem lhe deram permissão para contatá-los e/ou tentar vendê-los.

Quando isso acontece e você tenta vender, isso se assemelha a uma chamada fria. Eles não sabem quem você é, não precisam confiar em você e aqui você está tentando convencê-los a comprar algo de você. É basicamente a mesma coisa que abordar um estranho em um bar e pedir que ele volte para casa com você – não há um pré-amável e isso acaba sendo rude. Por fim, suas chances de obter uma resposta positiva são muito menores!

Como aquecê-los primeiro

É por isso que é importante pensar no seu ciclo de vida do lead. Em vez de tentar vender para leads frios, você está tentando impressioná-los com sua proposta de valor, com a qualidade das informações que você está distribuindo gratuitamente e com a forma como sua marca se alinha com seus valores.

Ao fazer isso, você cria leads calorosos – pessoas que forneceram os detalhes de contato e o convidaram para entrar em contato com eles.

Em termos de namoro, isso equivale a conhecer alguém que você gosta em um bar, conversar com ele por um tempo e demonstrar seu bom humor e depois pedir um número. A longo prazo, a última abordagem provavelmente levará a um resultado muito melhor para todas as partes envolvidas!

Faça aqui o seu comentário